<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d2075034\x26blogName\x3d%C3%89+sempre+assim\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://caru.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_BR\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://caru.blogspot.com/\x26vt\x3d-4795325790978278189', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener("load", function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <iframe src="http://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID=2075034&amp;blogName=%C3%89+sempre+assim&amp;publishMode=PUBLISH_MODE_BLOGSPOT&amp;navbarType=SILVER&amp;layoutType=CLASSIC&amp;homepageUrl=http%3A%2F%2Fcaru.blogspot.com%2F&amp;searchRoot=http%3A%2F%2Fcaru.blogspot.com%2Fsearch" marginwidth="0" marginheight="0" scrolling="no" frameborder="0" height="30px" width="100%" id="navbar-iframe" title="Blogger Navigation and Search"></iframe> <div></div>
quinta-feira, dezembro 30, 2004


Mais nostalgia!

Olha o site que minha mãe achou: www.memorychips.com.br

lembrei de mais coisa: mochila risca com o estojo combinando. Tinha uns jogos de estojo grande, médio e pequeno que se uniam por botões. Sucesso certo!
E Os Pioneiros, na TVS?
E o canudo com a cara dos trapalhões que vinha de brinde no Toddy?



Juju


Oba!
Hoje chegam Betão, Ju e Gui pro reveillon.
Pena que o Lalo não tá conseguindo deixar de trabalhar para curtir conosco...
Vamos agitar o finde, ficar só bebendo na piscina... hehehe
A Ju vai conhecer minha casinha. Vai ser bacana, tô com saudade dela.
Nem quero ver o estrago! O Sr. Moringa já tá empolgado! Quando eu falei que inha conseguido comprar as passagens pra volta deles, ele pediu pra preparar um VRB pra comemorar! kkkkkkkkkkkkkkkkk



Bom filme
quarta-feira, dezembro 29, 2004


Fiz o teste imitando o Joly. Devo dizer que o resultado me surpreendeu, a não ser pela cor.


Você é "Laranja Mecânica" de Stanley Kubrick. Você é insano, estarrecedor. O clássico de uma geração.
Faça você também Que bom filme é você? Uma criação deO Mundo Insano da Abyssinia




terça-feira, dezembro 28, 2004


Natal

Ganhei um livro BÁRBARO de Natal chamado Almanaque 80. Os autores conseguiram fazer um apanhado de MUITA coisa legal daquele tempo. Pular elástico, brincar de SAPINO, Dancing Flor, muita coisa! Fico até emocionada de ler. E fico vendo o tempo todo, muito bom!

Lembrei de mais coisas que não aparecem lá, e que também eram show, como bala Paquera, a Barbie para maquiar (era só a cabeça), a Escolinha da Moda.... Que delícia!

Voltando ao Natal, ganhei muita coisa legal. Master 3, bolsa linda da Kipling, bolsa linda que minha sogra fez, colar, pulseira, um pote de sabonetes de sapo feitos pela tia Ilse especialmente pra mim, All Star cinzinha e rosa, agenda, dinheiro.... Nossa, foi show.

Foi nosso primeiro Natal casados e em casa e, apesar do monte de gente, acho que nos saímos muito bem.



quinta-feira, dezembro 23, 2004


Tava lendo meus testemonials no Orkut.
Minha mãe e a Paolita me mandaram dois lindos estes dias... snif, snif
E o engraçado é que todos os que estão aparecendo na tela ultimamente falam de saudade.
Fofo....

Falando em testemonial, tem gente que se passa... E eu que tenho de aguentar tiração de sarro. Claro, né?




Modelo L'Oreal
quinta-feira, dezembro 16, 2004


Modelo L'Oreal
Hoje passei a manhão inteira no salão de cabeleireiro fazendo um new look DE GRAÇA com o técnico da L'Oreal. Ele pintou, fez mechas, pintou de novo, cortaram, ficou bárbaro. Fora que é uma delícia ficar com um monte de gente em volta de você te deixando linda.



Izabela
quarta-feira, dezembro 15, 2004


Izabela
Lindinha, o Beto descobriu como ela vai ser. Tá curioso? Dá uma olhada no fotoblog.



Um ano e meio!


Hoje faço um ano e meio de namoro com meu marido.
Parece estranho, mas é isso mesmo!
Nesse um ano e meio foi tudo tão bom e intenso, que parece que são 15 anos!
Com seis meses de namoro ele me pediu em casamento.
Com um ano e um mês a gente casou.
E agora a gente é um casal feliz, mesmo morando longe! hehehe...
Cada dia que passa eu tenho mais certeza que é ele, e que a gente vai envelhecer juntinho. QUE GOSTOSOOOOO!!!

Uma musiquinha pro amor da minha vida...

Menino bonito
Rita Lee
Lindo,
E eu me sinto enfeitiçada, yeah
Correndo perigo
Seu olhar
É simplesmente lindo
Mas também não diz mais nada, yeah
Menino bonito
E então quero olhar você
Depois ir embora
Sem dizer o porquê
Eu sou cigana
Basta olhar pra você



Sertaneja
segunda-feira, dezembro 13, 2004


Meu domingo foi bem diferente. Queria tomar sol, mas não tenho paciência de ficar de bobeira. Então decidi limpar minha piscina. Botei meus únicos dois CDs de música sertanjea BEM ALTO e dei conta da piscina. Hoje não consigo me mexer, mas valeu.
Ouvi uma música que eu adoro e me liguei de que já passei por isso. E aí aconselho todo mundo que passa por isso a fazer o mesmo. Não fica fazendo charme. Não esconde, conta logo. Foi só por isso que eu e Betão casamos. Então, essa meio que pode ser a "nossa música".

"Quando eu digo que deixei de te amar
é porque te amo
Quando eu digo que eu não quero mais você...
é porque te quero
Eu tenho medo de te dar meu coração
confessar que estou em tuas mãos
mas não posso imaginar o que vai ser de mim...
Se eu te perder um dia
Eu me afasto e defendo de você...
mas depois me entrego
Faço tipo falo coisas que não sou...
mas depois eu nego
mas a verdade é que eu estou louco por você
e tenho medo de pensar em te perder
Eu preciso aceitar que não dá mais
pra separar as nossas vidas
e nessa loucura, de dizer que não te quero
Vou negando as aparências
Disfarçando as evidências
Mas pra quê viver fingindo,
Se eu não posso enganar meu coração
Eu sei que te amo
Chega de mentiras de negar o meu desejo
Eu te quero mais que tudo,
Eu preciso do teu beijo
Eu entrego a minha vida
pra você fazer o que quiser de mim
Só quero ouvir você dizer que sim
Diz que é verdade, que tem saudades
que ainda você pensa muito em mim
Diz que é verdade, que tem saudades
que ainda você quer viver pra mim"
.



Lay down your arms!
terça-feira, dezembro 07, 2004


Este post vai pra dois amigos bravos e fofos.
Eu me meti numa discussão pra tentar ajudar. Normalmente eu ajudo, mas dessa vez não deu muito certo.
Então, além de prometer não me meter mais, pedir desculpa por qualquer coisa e dizer pros dois que eu gosto MUITO deles, este post serve como uma última (e linda) súplica:

Lay down your arms and surrender to me.
Oh lay down your arms and love me peacefully. yea.
Use your arms for squezing and pleasing the one that loves you so.
Oh there ain’t no reason for you to declare war on the one who loves you so.
So forget the other boys because my love is real.
Come off your battlefield.
Lay down your arms and surrender to me.
Yea lay down your arms and love me peacefully.
Use your arms for squezing and please cuse that’s the way it has to be.
The weapons you’re using are hurting me bad.
But someday you’re going to retreat.
Cause my love baby is the truest you’ve ever had.
A soldier of love that’s hard to beat.
Lay down your arms and surrender to me.
Lay down your arms and love me peacefully. yea.
Use your arms to hold me tight. baby I don’t wanna fight no more.
Oh baby, lay down your arms.
Please baby lay down your arms.




Circulando


Esta noite sonhei com ciclones, eu com muito medo, chamando minha mãe e perdendo o ar.
Hoje cedo fui fazer um exame chato e saí feliz com o resultado. Ufa, ufa, ufa!
O dia está sendo pra lá de corrido, mas tá uma delícia pensar em pautas pro programa no qual estamos trabalhando. Vai ser show de buela!



Ho!Ho!Ho!
segunda-feira, dezembro 06, 2004


Manhã corrida, esse fim de ano vai ser loucura!
Tive um fim de semana adorável com meu amorzinho (agora aproveito os fins de semanas como se fossem os últimos dias da minha vida).
Agora começo a Living a Vida Loca. Muito trabalho (ainda bem!!) e Natal na porta! Pensando nos presentes, no amigo secreto, nas lembranças dos clientes, blá, blá, blá.
Mas eu gosto dessa época! Parece que fica todo mundo mais feliz.
Menos algumas pessoas ingratas que não entendem gestos de amizade e fazem questão de nos ignorar. Eu fico MUITO TRISTE com isso, mas já fiz a minha parte. O que eu posso fazer? Implorar por atenção??? Quando passar, estarei no mesmo lugar.



Presentinhos fofos
sexta-feira, dezembro 03, 2004



Mamãe me deu duas sandálias lindinhas ontem e hoje ganhei brincos de libélulas!!
SHOOOW!





Essa nova cara LINDA do meu blog é de autoria da Joaninha, amiga fofa e criativa que se dispôs a montar o template. Quando me pediu um briefing e eu disse que não sabia, ela disse "deixa comigo". E eu sabia que podia deixar mesmo. Ficou ótemo, amiga, amei!!!!
Coincidentemente hoje eu peguei o CD que você me deu pra ouvir. Tava com saudade das músicas... Agora tô com saudade de você. E aí, vamos nos ver no reveillon???

Gente, agora tem comentários e mil coisas, por favor, participem!!!



quarta-feira, dezembro 01, 2004


Tá, podem me chamar de atrasada. Ouvi essa música no Circulando, um programa de TV aqui de SJRP e adorei!! Fui ver, já saiu no CD de Laços de Família, então é meio velhinha. Chama Esperando Na Janela, do Cogumelo Plutão.

Olha que fofa!

Quando me perdi
Você apareceu
Me fazendo rir
Do que aconteceu
E de medo olhei
Vi tudo ao meu redor
Só assim enxerguei
Que agora eu estou melhor

Chorus:

Você é a escada da minha subida
Você é o amor da minha vida
É o meu abrir de olhos do amanhecer
Verdade que me leva a viver
Você é a espera na janela
A ave que vem de longe tão bela
A esperança que arde em calor
Você é a tradução do que é o amor

E a dor saiu
Foi você quem me curou
Quando o mal partiu
Vi que algo em mim mudou
No momento em que quis
Ficar junto de ti
E agora sou feliz
Pois te tenho bem aqui


P.S.-> "ëscada da minha subida" é ótimo, não?